Notícias

Seminário conjunto irá elaborar contribuição das universidades públicas para Educação Superior na América Latina e Caribe

APUFSC

A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), a Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem) e o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) irão realizar, conjuntamente, o seminário “Proposta da Educação Pública Superior do Brasil à CRES 2018”, no próximo dia 24 de abril, terça-feira, em Brasília.

O evento é um preparatório para a III Conferência Regional da Educação Superior (CRES 2018), realizada de 11 a 15 de junho em Córdoba, na Argentina, cidade onde, há 100 anos, ocorreu a Reforma Universitária. Participam os reitores, pró-reitores e assessores de relações internacionais associados às três instituições promotoras do seminário, além de convidados.
A participação de todos os dirigentes é muito importante, pois além de contribuírem com suas experiências, o seminário será subsídio para a CRES, que tem o objetivo de coordenar a Declaração e Plano de Ação sobre Educação Superior na América Latina e no Caribe, sob a perspectiva do desenvolvimento humano sustentável e o compromisso com sociedades mais justas e igualitárias, ratificando a responsabilidade dos Estados para garantir a educação superior como bem público e direito humano e social.

No período da manhã, o seminário será composto por duas mesas temáticas, sendo a primeira palestra sobre “O Financiamento da Educação Pública Superior no Brasil”, ministrada pelo professor Nelson Cardoso Amaral, da Universidade Federal de Goiás (UFG), e a segunda sobre “A Educação e a Integração Latino-Americana”, com exposição do embaixador Samuel Guimarães.

No período da tarde, os participantes irão se dividir em sete grupos dedicados a cada um dos eixos da CRES 2018, de acordo com inscrições feitas previamente. Os temas serão “O papel estratégico da educação superior no desenvolvimento sustentável da América Latina e do Caribe”; “A educação superior como parte do sistema educativo na América Latina e no Caribe”; Educação superior, diversidade cultural e interculturalidade na América Latina e no Caribe”; “Educação superior, internacionalização e integração regional da América Latina e do Caribe”; “O papel da educação superior frente aos desafios sociais da América Latina e do Caribe”; “A pesquisa científica e tecnológica e a inovação como motor do desenvolvimento humano, social e econômico da América Latina e do Caribe”; e “100 anos da Reforma Universitária de Córdoba”.

O presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições de Ensino Superior – Andifes, reitor Emmanuel Tourinho (UFPA), lembra que, em 21 de junho de 1918, o movimento estudantil de Córdoba saiu à luta pela construção da universidade latina, sem a influência do modelo institucional europeu, que era predominante à época. “Se preparar para um evento dessa magnitude e contribuir com os eixos temáticos da CRES 2018 é uma forma de honrar a luta daqueles jovens, reafirmando o compromisso da universidade federal brasileira com a construção do projeto ideal de país”, destaca.

Cooperação TCU-Andifes

Na ocasião, o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Raimundo Carreiro, irá assinar o acordo de cooperação entre o TCU e a Andifes. O compromisso havia sido firmado pelo ministro quando em reunião do Conselho Pleno da associação, em novembro passado. À época, Carreiro afirmou que o TCU compreende o importante papel social das universidades federais. “Nós sabemos que educação é a ‘menina dos olhos’ de todo país que mira no desenvolvimento, mas, também, é a área que mais sofre com cortes em épocas de crises financeiras.

Queremos somar esforços com a Andifes e com todos os reitores para salvar esse patrimônio valiosíssimo que pertence ao Brasil, que é o Ensino Superior e a Ciência. As portas do TCU estão abertas”, afirmou.

O seminário será coordenado pelo reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), professor Rui Opperman.

CRES 2018

A programação da Conferência prevê a realização de debates participativos, com fóruns e eventos sobre o contexto atual do ensino superior, seus pontos fortes e fracos, sua história e evolução, bem como as melhorias e realizações desejadas. Além disso, grupos de trabalho devem apresentar propostas que visem alcançar, na próxima década, objetivos de desenvolvimento sustentável e as definições da Agenda 2030 da UNESCO. Da mesma forma, as conclusões alcançadas na CRES 2018 integrarão a Declaração e o Plano de Ação que os países da América Latina e do Caribe irão apresentar à Conferência Mundial sobre Educação Superior, em 2019 na sede da UNESCO, na França.

Serviço:

Seminário “Proposta da Educação Pública Superior do Brasil à CRES 2018”
Data: 24 de abril
Horário: 8h30 às 18h30
Local: Universidade de Brasília (UnB) – Campus Universitário Darcy Ribeiro, Av. L3 Norte, Edifício Finatec – Asa Norte, em Brasília/DF.

Fonte: Andifes
 

 

Manchete

O evento é um preparatório para a III Conferência Regional da Educação Superior (CRES 2018), que acontece de 11 a 15 de junho em Córdoba, na Argentina, cidade onde, há 100 anos, ocorreu a Reforma Universitária. Participam os reitores, pró-reitores e assessores de relações internacionais associados às três instituições promotoras do seminário, além de convidados.


Postado

20.abril | 2018


Tags

CRES; andifes; universidade; ensino superior


Imprimir


Compartilhar


Filiar-se

Newsletter

(48) 99944.0103 (WhatsApp)
(48) 3234.2844 e 3234.5216 (Max & Flora)
(48) 3721.9425 e 3234.3187 (Campus Trindade)
(47) 3027.7992 (Joinville)
(49) 3241.4181 (Curitibanos)
(48) 3524.0228 (Araranguá)
(47) 3234.1866 (Blumenau)

 

© APUFSC Sindical

Designed & Created by: Hupx Tecnologia Powered by: Dynamicweb