Notícias

Weintraub diz que busca solução para Escola sem Partido neste mês

Ministro voltou a se manifestar nas redes sociais no último final de semana

Numa série de postagens no Twitter, a maioria em resposta a usuários da rede social que comentavam em sua conta, o ministro da Educação , Abraham Weintraub, disse no último sábado que "está buscando uma solução" para o movimento Escola sem Partido ainda neste mês, informa O Globo.

"Espero ter novidades ainda em agosto", escreveu, em resposta a usuário que perguntava: "Ministro, por que Vossa Excelência ignora o @escolasempartido?". Weintraub, no entanto, não deu detalhes sobre o assunto. O movimento, que pretende combater o que chama de "doutrinação" nas escolas, anunciou que suspenderia suas atividades a partir do dia 1º de agosto. 

Outro usuário perguntou se a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) poderia ser revogada. O documento determina o conteúdo mínimo que deve ser ensinado em todas as escolas públicas e privadas do país. O ministro respondeu: "Não... Agora estamos remediando...".

O ministro ainda comentou o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb ). Afirmou que a pasta está "trabalhando para alterar" o fundo, o que, segundo ele, "será uma trilha longa e árdua". "Não tenho como prometer atalhos", completou.

Em outra postagem que levou a uma série de respostas de usuários, questionado sobre se não estava revelando algo de que sabia, o ministro escreveu: "Não tenho medo, porém, sem fazer nada errado, já estou com 58 processos..."

Na mesma sequência, outro usuário questionou-o sobre comícios que estariam ocorrendo dentro do campus da UnB. Ao que Weintraub replicou: "Peço um pouco mais de perseverança. O momento mais sombrio da noite é pouco antes do alvorecer!"

Confira: O Globo



 

Manchete

Ministro voltou a se manifestar nas redes sociais no último final de semana


Postado

13.agosto | 2019


Imprimir


Compartilhar


Filiar-se

Newsletter

(48) 99944.0103 (WhatsApp)
(48) 3234.2844 e 3234.5216 (Max & Flora)
(48) 3721.9425 e 3234.3187 (Campus Trindade)
(47) 99925-1735 (Joinville)
(49) 3241.4181 (Curitibanos)
(48) 3524.0228 (Araranguá)
(47) 3234.1866 (Blumenau)

 

© APUFSC Sindical

Designed & Created by: Hupx Tecnologia Powered by: Dynamicweb